Buscar

Relembre o dia a dia dos peregrinos na JMJ Panamá 2019

Esta foi a 34ª edição do evento. A próxima acontece em Lisboa no ano de 2022.



Na semana em que a JMJ Panamá 2019 completa um ano, vamos relembrar como foi o dia a dia dos peregrinos da paróquia Nossa Senhora de Guadalupe no maior evento cristão do mundo. Antes de começarmos esta nossa retrospectiva, você sabe o que é a JMJ? Bom, a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) foi fundada pelo Papa São João Paulo II em 1985, na cidade de Roma, na Itália, e de lá para cá, 34 edições do evento já ocorreram, incluindo uma no Brasil, em 2013.


A JMJ tem o intuito de reunir milhares de pessoas, em sua maioria jovens, de todo mundo, para juntos professarem a fé e a unidade em Cristo e na Igreja. Em média, a Jornada acontece a cada três anos a nível mundial, e neste intervalo em nível Arqui/Diocesano. Em 2019 foi a vez do Panamá receber este evento que reuniu mais quase 1 milhão jovens , segundo o Comitê Organizador Local (COL). Entre os dias 22 e 27 de janeiro, o coração do mundo batia na Cidade do Panamá. Agora podemos iniciar nossa retrospectiva, certo? Então vamos lá!


22 de janeiro de 2019

Missa de Abertura

Neste dia, no Campo Santa María La Antígua, o Arcebispo Metropolitano do Panamá, dom José Domingo Ulloa presidiu a celebração eucarística de abertura da 34ª Jornada Mundial da Juventude. Dom José no final de sua homilia disse que na JMJ, Nossa Senhora irá conduzir os passos do peregrinos e o Papa Francisco como Vigário de Jesus Cristo, irá fortalecer e confirmar-nos na fé.


23 de janeiro de 2019

Início da Catequese

Como de costume em todas as edições da JMJ, no dia após a missa de abertura, tem início a Catequese. No dia 23, os grupos peregrinos de todo o mundo iniciaram as catequeses nas paróquias, colégios e comunidades de fé. Os nossos peregrinos participaram da Catequese juntamente com outros grupos de países que falam a língua portuguesa. Quem conduziu este momento foi o Arcebispo Metropolitano de Huambo, na Angola, dom Zeferino Zeca Martins, que ao final presidiu uma belíssima celebração eucarística, que foi concelebrada com alguns padres do Brasil e de outros lugares do mundo. A Catequese também aconteceu na manhã do dia 24 e foi conduzida pelo bispo auxiliar de Curitiba (PR), dom Amilton Manoel da Silva.

24 de janeiro de 2019

Acolhida do Papa Francisco

Na tarde do dia 24 de janeiro, o Papa Francisco chegou ao Panamá e foi acolhido por uma multidão de pessoas em diversos pontos da cidade e no palco central, o Campo Santa María La Antígua. Após a calorosa acolhida, foi proclamado o Evangelho (Jo 2, 1-11), que narra o episódio das Bodas de Caná, onde Maria tem presença fundamental. O Pontífice dirigiu suas palavras aos jovens presentes no Panamá. "Sempre penso em vocês, que começaram a caminhar antes da jornada. Vocês, da juventude indígena, foram os primeiros da América a caminhar para este encontro. (ouviram-se aplausos). E também os jovens de origem afrodescendente. "Outro aplauso para eles", incentivou o Papa.


25 de janeiro de 2019

Via Crucis (Via Sacra) com os jovens

Um momento de profunda reflexão da nossa fé: a Via Crucis (Via Sacra). No dia 25, o Papa Francisco se reuniu com os jovens de todo o mundo para meditar a via sacra. Em sua chegada ao Campo de Santa Maria La Antígua, Papa Francisco entrou acompanhado dos ministros, da Cruz e do ícone da JMJ, fazendo uma breve oração inicial. “Caminhar com Jesus será sempre uma graça e um risco. É graça porque nos compromete a viver a fé, a conhecê-lo. É entrar no mais profundo de Seu coração, compreender a força de Sua palavra. É risco, porque Suas palavras e ações contrastam com o mundo, com as ambições, o desamor. Mas existe uma esperança, uma luz. Jesus viveu com amor, junto com Maria, desde o início da Igreja”, disse.


26 de janeiro de 2019

Vigília da Juventude

Neste dia, Papa Francisco rezou a Vigília com os Jovens da JMJ no Campo San Juan Paulo II . Um dos momentos mais esperados pelos participantes Jornada Mundial da Juventude, onde o Santo Padre faz um discurso muito marcante, relacionado ao tema da Jornada. Em seu discurso o Francisco disse que Maria não foi nenhuma “digital influencer” e que, mesmo sem buscar aparecer, se tornou “a mulher que maior influência teve na história”. Após o discursos os jovens ficaram em adoração ao Santíssimo durante uma boa parte da noite.


27 de janeiro de 2019

Missa de Envio

Este foi o último dia da jornada, e um dos mais aguardados, pois no final da Santa Missa foi feito o anúncio da próxima JMJ. Na manhã do dia 27 o Papa rezou com os jovens a Missa de Envio da JMJ 2019 e reuniu quase um milhão de pessoas no Campo São João Paulo II, na Cidade do Panamá. Em sua homilia o Papa alertou especificamente a juventude, dizendo que suas vidas não são uma promessa para o futuro, mas para o agora. “Como se ser jovem fosse sinônimo de «sala de espera», para quem aguarda que chegue o seu turno. E, enquanto este não chega, inventam para vós ou vós próprios inventais um futuro higienicamente bem embalado e sem consequências, bem construído e garantido com tudo «bem assegurado». É a «ficção» da alegria.” E acrescentou: “Vós, queridos jovens, não sois o futuro, mas o agora de Deus”. Ao término da missa, o Cardeal de Lisboa, anunciou a sede da próxima JMJ em 2022.


Assista o vídeo com os melhores momentos do grupo na JMJ 2019:

Fotos: Pedro Corcini/Caminhos de Uma JMJ | Jornada Mundial da Juventude Panamá 2019.



158 visualizações

ARQUIDIOCESE DE BELO HORIZONTE | PARÓQUIA NOSSA SENHORA DE GUADALUPE

Rua Dr. Sylvio Menicucci, 70, bairro Castelo- Belo Horizonte | Tel. (31) 3476.8692 | secretaria@pnsguadalupecastelo.com.br
© 2020 | Todos os direitos reservados a Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe do Castelo.