marca-aconteceu.png

Bênção dos animais e Luau com a Juventude marcam festividades de São Francisco de Assis

por PASCOM Guadalupe


Os fiéis da paróquia Nossa Senhora de Guadalupe participaram neste final de semana, de algumas atividades em louvor a Deus pela vida do co-padroeiro, São Francisco de Assis, na 13ª edição da festa.

Neste ano, a programação da Festa de São Francisco contou com dois momentos especiais e que não foram realizados no ano passado: a bênção dos animais, celebrada na Praça Manoel de Souza Barros e o Luau com a Juventude, na Igreja São Francisco.

DIANTE DO SANTÍSSIMO: FIÉIS CELEBRAM O PRIMEIRO DIA DO TRÍDUO


As festividades em si, começaram no dia 1º, sexta-feira. O dia foi marcado pela tradicional Adoração ao Santíssimo da primeira sexta e devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Durante toda a tarde, fiéis puderam fazer suas orações diante de Jesus Eucarístico, louvando, agradecendo e fazendo suas preces ao Senhor. Após a adoração, quem estava na igreja recebeu a Bênção do Santíssimo, que encerrou o momento oracional da tarde de sexta-feira. O dia foi fechado com a Santa Missa, presidida pelo padre Paulo Alves, que foi nomeado pároco da Paróquia Santa Teresinha, no bairro Santa Terezinha, aqui em nossa Forania São Dimas. A liturgia ficou por conta do Apostolado da Oração.


ANIMAIS, CRIANÇAS E JUVENTUDE: BÊNÇÃO E LUAU MARCAM O SEGUNDO DIA DE FESTA


No sábado, dia 2 de outubro, o compilado de alegria: Bênção dos Animais e Luau com a Juventude, além é claro das missas da tarde, no segundo dia do tríduo de São Francisco de Assis. A Praça Manoel de Souza Barros foi o local escolhido para a Bênção dos Animais, que aconteceu às 10h. Com o intuito de envolver ainda mais a participação dos jovens na vida em comunidades, a organização da bênção ficou por conta dos novos crismandos da paróquia, que iniciaram o processo de confirmação há pouco mais de um mês. O rito foi presidido pelo diácono Paulo de Tarso Reis, que foi ordenado no dia do centenário da Arquidiocese de Belo Horizonte, em fevereiro deste ano, na Catedral Cristo Rei, no bairro Juliana, aqui na capital.


O pedido do Papa Francisco para a construção de uma igreja inclusiva e fraterna, se estende para todos, inclusive para os jovens. Foi em torno desta mística que a Juventude Guadalupe reuniu cerca de 30 jovens para o primeiro Luau da Juventude, que aconteceu no Espaço de Convivência Santa Maria dos Anjos, localizado aos fundos da Igreja São Francisco de Assis. O louvor ficou por conta do Ministério de Cânticos Acaiah, um dos grupos de música da nossa paróquia. Os jovens puderem estar diante do Santíssimo Sacramento, para agradecer e entregar suas vidas ao pés do Senhor Jesus.


Enquanto isso, nas igrejas Nossa Senhora de Guadalupe e Santa Clara de Assis, os fiéis rezaram e participaram da Santa Missa do segundo dia do tríduo de São Francisco de Assis. Na matriz, padre Junior Vasconcelos presidiu a celebração eucarística. Na mais nova comunidade da paróquia, a missa foi conduzida por padre Henriques, que têm ajudado nos trabalhos pastorais da comunidade do Castelo.

EM TORNO DE UM SÓ ALTAR: FIÉIS LEIOGS E LEIGAS CELEBRAM A EUCARISTIA NO TERCEIRO E ÚLTIMO DIA DO TRÍDUO

Quem foi à missa neste final de semana na paróquia participou também do terceiro e último dia do tríduo de São Francisco de Assis. As celebrações aconteceram nos horários dominicais da paróquia. Durante a missa das 10h, na igreja que leva o nome do co-padroeiro, uma homenagem a São Francisco, em forma de música foi entoada.

Todo dia 03 de outubro, para os Franciscanos, é celebrado o Trânsito de São Francisco, fazendo memória a morte do pobrezinho de Assis. A palavra trânsito vem do latim “Trânsitus” que significa passagem. Francisco passa deste mundo corporal para a eternidade, acolhe a morte como irmã e nos ensina com seu testemunho que quando se vive plenamente em Deus, morrer é apenas abraçar o eterno e reencontrar-se com o grande amado!


41 visualizações